quarta-feira, 12 de setembro de 2007

KIMPIRA GOBOO (BARDANA)

Essa é uma receita bem fácil, a maior dificuldade é em cortar as bardanas bem fininhas.
Minha avó dizia que eu deveria comer sempre bardana, pois faz bem para a saúde.
Pesquisando descobri que a fama da bardana vem de muito tempo: os gregos a utilizavam como medicamento e nos tempos medievais ela era incluída em várias formulações destinadas à cura.
E que povos orientais consomem a bardana para combater vários problemas. Raízes e sementes são ingeridas para combater cálculos renais, reumatismo e problemas da vesícula. A infusão das folhas também é utilizada com a mesma finalidade. Do ponto de vista nutricional, esta raiz apresenta boas qualidades: fornece proteínas, glicídios, fibras, cálcio, fósforo, ferro, vitamina A, B1, riboflavina, niacina e vitamina C. Assim como todas as raízes, a bardana também é rica fonte de sais minerais.

Essa aqui eu fiz na segunda. Sabe como é, segunda fico com a consciência pesada !

Ingredientes:
- 1 prato cheio de bardana cortada em tirinhas finas (+ou- 350g)
- 4 colheres de sopa de azeite
- 3 colheres de sopa de açucar
- 3 colheres de sopa de saquê
- 3 colheres de sopa de shoyu
- 1 colher de chá de sal

Escolha goboos bonitos e tenros, então raspe com a faca a bardana, assim saíra a casca escura e corte-os em tiras finas.
Solte as bardanas na água e deixe-os por algum tempo. Escorra, deite água limpa e leve-os ao fogo e ferva durante 5 minutos. Escorra a água (se os goboos forem tenros, deixe-os de molho na água durante 2 horas e não precisará aferventá-los).
Esquente o azeite, quando começar a fumegar, ponha as bardanas, misture e acrescente os temperos. Frija bem, misturando-os e reitre do fogo. Se possuir mirim adicione um pouco. Se gostar junte-lhes pimenta malagueta (eu usei dedo de moça sem sementes bem picadinhos).
Por último, coloque sementes branca de gergelim.

- As vezes na hora de esquentar o azeite, coloco um pouco de cebola e alho.

4 comentários:

Karen disse...

Tão difícil preparar kimpira em casa, mas é bom mesmo!

(Deixei um meme no meu blog, se quiser responder, dê uma olhada!)

Katia Mine disse...

A dificuldade é só em cortar, né!!

Akemi disse...

Adoro este prato, tão saboroso! Falou bem da dificuldade em cortar o gobou. Nós cortamos, cortamose só dá um tantinho de nada ne? rsss

Dinha disse...

Nossa Katia, aquí só têm coisas maravilhosas, só costumo comer Kimpira na casa de minha oba-chian, não consigo cortar tão fininho assim...

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails